International Resource Finder

prevention
A Mentor International através do Prevention Hub lançou uma ferramenta para ajudar na busca de atividades para quem se preocupa com prevenção. Seja pai, mãe ou professor.

Chama-se International Resource Finder e é bem interativa.
Foi desenvolvida como parte de um projeto de curadoria de conteúdo sobre prevenção ao uso de drogas.
As fontes desse material são grandes organizações mundiais reconhecidas por sua seriedade no trabalho preventivo.
Ao clicar na aba “Parent/Family Member”, por exemplo, você escolhe a idade de filhos ou netos e a partir dai tem acesso a sites, publicações, folhetos sobre o tema.
Para professores o processo é o mesmo, mas nesse caso você encontra dicas de atividades como essa: “Youth Activities for the classroom & Beyond: Arts/Music”.
Os critérios utilizados para as indicações são:
  • Serem baseadas em evidências
  • Acessíveis ao público
  • Envolventes e relevantes em design e formato
  • Não terem custos
A ferramenta ainda está em desenvolvimento e recebe sugestões de material através do e-mail: update@mentorinternational.org

YouTube e o abuso de álcool

youtubr
Esse vídeo não vai carregar. E se carregasse não mostraria imagens agradáveis.

 A equipe do Dr. Brian Primack fez uma análise de 70 vídeos mais populares do YouTube tratando do abuso de bebida alcoólica. Criaram 42 códigos nas categorias: característica do vídeo, características socio-demograficas, descrições do produto, utilização, características associadas ao produto, consequências do uso.

A audiência da amostra ultrapassou os 300.000.000 de visualizações!

Outros achados:

  • Quase 90% dos vídeos envolvem homens.
  • O uso de destilados é mais frequente. Cerveja vinha em segundo.
  • 44% do vídeos faziam referência a alguma marca de bebida alcoólica.
  • Humor está presente em 79% dos vídeos.
A pesquisa também concluiu que raramente os vídeos mostram as consequências do abuso de álcool.

Clicando na imagem abaixo você pode ter acesso ao resumo.

youtube álcool

Em tempo. Uma busca rápida no YouTube vai mostrar vários vídeos com situações de intoxicação alcoólica. Inclusive o do estudante de engenharia da UNESP de Bauru que morreu em uma festa estudantil patrocinada por uma marca de cerveja.

Equipe CPG